Paranóias

You will find everything here!

Posts Tagged ‘política

Pedrógão Grande – o país dos aldrabões

leave a comment »

Infelizmente, após a tragédia de Pedrógão Grande, que podia ter sido evitada, apareceu um “programa” (esquema) para ajudar as famílias que sofreram com os incêndios, nomeadamente, na (re)construção de casas.

Acontece que, após uma investigação da jornalista Ana Leal, da TVI, descobriu-se que este “programa” foi mais um esquema para ajudar alguns… e não ajudar os que realmente precisavam da preciosa ajuda.

Basicamente, o que aconteceu foi que algumas pessoas declararam nas finanças as moradias secundárias como moradias de residência (principais)… alguns meses após os incêndios, para poderem ser apoiados…

 

 

Infelizmente, é este o nosso país…

 

Anúncios

Nike envolta em polémica

leave a comment »

img_920x5182018_09_04_20_10_38_1443960

 

A nova campanha da Nike, em celebração dos 30 anos do slogan ‘Just do it’, foi lançada apenas na segunda-feira, mas já está a dar que falar. Especialmente pelo facto de a cara principal ser Colin Kaepernick, jogador de futebol americano que protagonizou um polémico episódio em 2016, quando num encontro de pré-época dos San Francisco 49ers se ajoelhou aquando do hino nacional. Na altura, Kaepernick utilizou aquele gesto para protestar contra a violência policial a cidadãos afro-americanos, levando mesmo uma a divisão na NFL, mas também no próprio país.

960
 «Não vou perfilar de pé e mostrar orgulho por uma bandeira e um país que oprimem os negros. Para mim isto é maior do que o futebol e seria egoísta da minha parte olhar para o lado.»

Agora, sob o mote “Believe in something, even if it means sacrificing everything” (acredita em algo, mesmo que isso signifique sacrificar tudo o resto), o jogador de futebol americano é figura de um anúncio que conta ainda com a presença de outros atletas afro-americanos, tais como Odell Beckham Jr. e Serena Williams, algo que provocou reações de todos os quadrantes, alguns deles ‘agressivos’.

 

Basta ver as redes sociais, onde são várias as publicações onde se apela à destruição de objetos da marca norte-americana, por não estarem de acordo com a decisão da Nike em apoiar a luta que o jogador iniciou em 2016. Há outras reações positivas, é certo, mas as negativas, que até levaram à criação de hashtags (#justburnit, por exemplo), multiplicam-se e podem deixar a Nike em maus lençóis. Aliás, um dos efeitos deste anúncio foi sentido na bolsa, com a marca a cair 2,7% no índice Dow Jones na sequência da polémica criada.

No meio disto, Kaepernick está sem emprego. O «quarterback», de 29 anos, deixou os 49ers em março, antecipando o fim do contrato. Desde aí não voltou a conseguir arranjar equipa. E esta semana anunciou que avançou em tribunal com um processo contra a NFL, por conluio. A sua tese é de que as equipas estão em conjunto a boicotá-lo.

Críticas não faltam, infelizmente, porque as pessoas não percebem a causa, só pensam no desrespeito ao hino nacional. Pessoas a boicotar a marca e a queimar produtos da mesma:

Mas também há quem apoie, como:

dlaz4uhvsaerr8y

Fontes:

Record

Queimam produtos Nike

Um homem que se ajoelhou por uma causa

Mais Futebol

CM Jornal