Paranóias

You will find everything here!

Posts Tagged ‘colômbia

Narcos (review)

leave a comment »

Narcos, uma das muitas séries da Netflix, que conta a história de um dos maiores traficantes de droga do mundo: Pablo Escobar

Narcos conta, assim, um pouco da história de Escobar, desde o início da sua ascensão, com muito crime, tráfico, até à sua tentativa de fuga final, que culminou com a morte do traficante.

Gostei muito da série, composta por 3 temporadas, com o papel principal (Pablo Escobar) a ser representado pelo actor brasileiro Wagner Moura.

A representação de Wagner Moura é fantástica, mostrando aos tele-espectadores o mau feitio, a violência que Escobar espalhava pelo país.

A série está bem representada por brasileiros, a começar pelo protagonista, mas também sem esquecer José Padilla (produtor e produtor executivo), Rodrigo Amarante (compositor e intérprete da música “Tuyo”, de abertura da série).

 

Também, mais tarde, após a morte/captura de Pablo Escobar, entrou em cena outro actor fantástico, português, de nome Pêpê Rapazote, já conhecido em Portugal por muito bons papéis na televisão portuguesa, participou na temporada seguinte à da morte do líder do cartel de Medelín. Participou como Chepe Santacruz Londoño, que era líder do Cartel de Cali. Uma representação exemplar, também passou para casa das pessoas o espírito do papel, o mau feitio, a liderança. Simplesmente fantástico!

11218773narcos_305_unit_00281r-1024x684-1

Nicole Rivelli/Netflix

 

No geral, a série está muito bem conseguida, com um elenco muito bem escolhido e com pessoas realmente muito dedicadas.

 

Para breve, vou começar a ver a nova Narcos: México, para depois escrever sobre ela.

 

A minha pontuação: 9/10

 

Fontes:

IMDB – Wagner Moura

IMDB – Narcos

IMDB – Pêpê Rapazote

Visão

YouTube – Netflix

Coca-Cola Friendly Twist

with 3 comments

Depois disto

 

E disto

Agora, vem mais este…. Fabuloso!

 

Pirarucu: peixe anti-piranha

leave a comment »

804698

O pirarucu, ou Arapaima gigas, num aquário na Colômbia (FREDY AMARILES/AFP)

804704

Pormenor das escamas do pirarucu, à prova de piranhas

 

Para resistir às implacáveis mordeduras das piranhas, o pirarucu, um peixe gigante da Amazónia, está equipado com um colete anti-dentes  duro no exterior e flexível no interior – revela agora um estudo sobre a estrutura das suas escamas realizado com raios X intensos.

 O primeiro nível de defesa destas escamas é composto por superfície espessa, de apenas meio milímetro, mineralizada e muito dura, que impede a penetração dos dentes dos predadores. Por baixo dessa superfície, existe uma segunda camada flexível, duas vezes mais espessa, composta por lâminas de colagénio (uma proteína), enroladas em espiral e orientadas em direcções diferentes, capazes de se realinharem em função da pressão a que são submetidas.

Resultado: o impacto das mandíbulas das piranhas é amortecido e repartido por uma grande superfície, o que impede a camada exterior das escamas de se quebrar – uma versão aperfeiçoada das malhas de ferro, que protegiam os cavaleiros da Idade Média. E para aperfeiçoar ainda mais este dispositivo, as escamas estão sobrepostas e são onduladas, para transferir melhor a energia à camada interior.

O Arapaima gigas é um dos maiores peixes de água doce conhecidos: já se pescaram exemplares de 200 quilos e três a quatro metros de comprimento.

Carnívoro, o Arapaima gigas cresce rapidamente, até dez quilos por ano, e aguenta as condições de uma produção intensiva, graças à sua capacidade de respirar oxigénio atmosférico, o que lhe permite viver em ambientes mal oxigenados.

 

Favela com escadas rolantes…

with one comment

A obra custou mais de 5 milhões de euros, mas veio facilitar a vida dos habitantes da favela Comuna (Colômbia).

A favela Comuna 13 é uma das favelas da cidade colombiana de Medellín. Os moradores desta favela, para se deslocarem ao centro da cidade tinham de percorrer uma grande distância, subindo e descendo.

Mas o percurso que demorava meia hora e exigia um grande esforço, ficou agora mais fácil com a instalação de umas escadas rolantes de 384 metros. 

 

Fonte:

Visão

Written by Nuno França

30 de Dezembro de 2011 at 23:57